Chega de dirigentes. Precisamos de líderes!

ERA MALÉFICA A DO SÉCULO XX
Em uma época tão conturbada como o a nossa, onde chegamos a ponto de ficar sem água, sem energia, sem internet e com altas contínuas nos preços acompanhadas de rombos em organizações públicas, fica fácil reclamar e colocar a culpa sempre no governo.

Presenciamos um momento, em pleno 2015, século XXI, chegada da era de aquário, onde as pessoas estão compartilhando ódio nas redes sociais dizendo que a culpa é sempre de alguém. A culpa é da massa. É sempre o prefeito da cidade o culpado. É sempre o governador. O gestor da empresa. O padre ou o presidente Obamis. Parece que a nossa cultura de exteriorizar os problemas e pedir ajuda aos céus se reflete também na hora de julgar um efeito. Afinal, é mais fácil gastar energia reclamando do que resolver o problema você mesmo.

Somos frutos de um passado sombrio, focado nas corporações, no produto, no consumo, e sem a mínima responsabilidade com as pessoas. E isso que vivemos agora, é só a mudança deste pensamento, para a melhor.

A ESCOLA DA VIDA
Estudei a vida toda em escola pública. Há 20 aos atrás não tínhamos aula de cidadania e nem de legislação – direito que só fui estudar na universidade – e hoje vejo, na prática, que a maioria das escolas públicas continuam a não ter educação básica de cidadania e/ou legislação.

Já existe um projeto rolando para as crianças estudarem a constituição nas escolas (saiba mais aqui) e isso se deve à liderança de alguém. Fora isso, existem iniciativas incríveis em escolas, que estão transformando o Brasil. Como o a Crescer Sempre, uma escola fora da curva que também está repleta de líderes.

Agradeço pela educação que recebi. É graças aos meus pais que me deram uma excelente diretriz para viver em comunidade: me ensinaram a me preocupar e respeitar o próximo.

Não é preciso de nenhuma pesquisa de mercado para mensurar um “grau de egoísmo no Brasil”. Basta observar o comportamento das pessoas – uma coisa que adoro fazer todos os dias. E nos 4 cantos do País o mesmo comportamento se repete. Mas a região onde impera o egoísmo (sem generalizar) é no Estado de São Paulo.

O EGOÍSMO DA CIDADE GRANDE
Quem dirige em cidade grande no Brasil sabe como é a lei do “Cada um por si e Deus por todos”. Ninguém te dá a vez. A buzina é um instrumento utilizado para fazer o seu carro voar. As pessoas te fecham, brigam, buzinam e fazem todo um showzinho para correr, ultrapassar, e, em seguida, parar no próximo farol vermelho com um marronzinho ali, fazendo lembrar que a lei existe. Tudo isso motivado pelo seu egoísmo de estar à frente dos outros.

A cena se repete no supermercado, no restaurante, no ônibus, no trem e no metrô – onde é mais claro entender como funciona a dinâmica do EGO: quando o vagão chega, você tenta entrar, mas alguns parasitas ficam na porta dificultando a entrada e saída das outras pessoas, sendo que não precisam descer no momento e o corredor está com espaço o suficiente para eles esperarem ali. Mas não, eles querem ficar 5, 6, 7 estações parados na porta go vagão, atrapalhando as pessoas, para quando chegar a sua vez, poder ser o primeiro a sair do vagão.

Esta imagem diz muito:
fluxo metrô trêm pessoasVia Big Head Bonecos

VIRANDO A CHAVE
Qual a diferença destes comportamentos, onde não existe respeito algum com o próximo, no comportamento dos políticos corruptos? Para mim, nenhuma. Os dirigentes que estão no comando são apenas o reflexo do povo que vota neles.

Devemos tomar cuidado para não cair nesta corrente de ódio, de apenas reclamar, xingar e compartilhar energia ruim. Além de não resolver o problema, ainda consome a nossa energia, fazendo com que se atraiam mais coisas ruins.

“A culpa é do governo. A culpa é do chefe. A culpa é do professor. A culpa é dos pais.” Enfim: a culpa é sempre do seu superior, nunca, jamais, sua.
Chegou a hora de cada um assumir a responsabilidade pelos seus próprios atos.

NÃO PRECISAMOS
Câmara acaba com pagamento do 14º e 15º salários de parlamentares Por isso digo, que não precisamos de gerentes, não precisamos de políticos, não precisamos de padres, pastores, monges e mais dirigentes. Precisamos de LÍDERES de verdade. Cargos existem para ESTRUTURAR uma organização. Até aí, tudo bem. Mas é preciso mais do que um gestor, é preciso de um líder! E esse potencial incrível, com espírito de procura, todo ser humano tem inato em si. Só falta despertar – que é o que esses caras que estão no poder não querem.

Daí você entra naquele pensamento “Mas ser líder tem a ver com liderar equipes, grupos, nações”. Isso não quer dizer que você deva liderar pessoas. Tem muito mais a ver sobre liderar a si mesmo. Ser líder é abraçar uma causa, liderar um projeto (nem que seja só você), uma atitude, um comportamento, uma nova postura. E fazer com que outras pessoas sejam positivamente impactadas por isso.

É assumir a responsabilidade por fazer algo acontecer. É atuar, dia após dia, com um propósito de vida. Mais voltado para as pessoas, com empatia – se colocando no lugar do outro.

Um líder rema junto com a equipe. Um chefe manda uma equipe remar. É bem diferente.

SEJA UM LÍDER
Acredito muito no poder de influência que temos sobre as outras pessoas. Existe um estudo muito bom chamado O Experimento de Asch, que mostra como somos influenciados pelos grupos.

E neste sentido, devemos tomar cuidado para não ser influenciados e ter os nossos princípios corrompidos pelo pensamento dos outros, das comunidades, dos grupos e até mesmo da nossa própria família. Juntos, somos química pura! Por isso devemos lembrar de INFLUENCIAR e não ser influenciados.

SEJA O EXEMPLO
Sabemos que a correção, com crítica, não é o melhor método para aprender algo. Somos dotados em aprender com mais qualidade aquilo que nos inspira. Portanto, o exemplo, vindo de uma outra pessoa, é a melhor forma de influenciar alguém.

Sou de Câncer com ascendente em Touro, tenho um senso de justiça muito grande. Não consigo presenciar algo injusto e não me repudiar. Coisas como um homem passar na frente de uma mulher, alguém dirigir e virar um carro nas pessoas sem dar seta, ficar parado na porta do trem e tudo mais. Esses são comportamento que não considero normais. Considero de pessoas que querem tirar proveito e sair na frente. Totalmente alienadas pelo sistema.

Tem gente que acha isso normal. Mas para mim, segurar a porta do elevador para o próximo é normal. O que não é normal é ver homens e mulheres entrando no elevador sem mesmo agradecer, dar bom dia e nem olhar na sua cara. Todos os dias faço questão de dar um bom dia forte para essas pessoas.

Esta semana, estava chegando ao escritório e as recepcionistas e seguranças estavam todos no celular. Disse “Bom dia” e nenhum olhou. Parei. Olhei para eles e falei em alto e bom tom “EU DISSE BOM DIAA” – sorrindo. Eles olharam perplexos e responderam com um bom dia assustado.

bloco tarado ni voce 2015 parque augusta

Parque Augusta

QUEBRE O SISTEMA
O que aconteceu no Parque Augusta semana passada foi um excelente exemplo de liderança. A galera mandou muito bem, sem ajuda do governo, ao realizar diversas atividades em uma área verde onde querem construir mais prédios. Foi muito lindo ver as pessoas cuidando do parque em conjunto. Isso é liderar e quebrar o sistema.

Você consome os produtos que a mídia empurra em você.

Você quer compra as mesmas coisas que estão na moda, que os seus amigos compram e valorizam.

Você tem comportamentos parecidos com os dos seus amigos, colegas de trabalho e familiares. Reveja.

Você faz a mesma coisa dia após dia. E fica esperando resultados diferentes. Espere sentado.

Por fim: seja a diferença daquilo que você tanto reclama. Veja diversos exemplos de pessoas em conjunto, como líderes natos, fazendo acontecer. Se inspire neles! Seja como eles! Faça a diferença para os pessoas no seu trabalho, na sua comunidade, bairro, País! Somente com esta consciência que viveremos em um Brasil melhor. E este dia irá chegar 🙂

Anúncios
Esse post foi publicado em Humanismo. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s